quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Nunca subestimem...


... uma Senhora... "cota". Há por aí muitas avós bem "mexidas" e prontas a dar à perna, como esta que vos apresento aqui. E vivam as "cotas" que têm ginástica para dar e vender. Assim nem dá para pensar na crise.

17 comentários:

  1. Não teria a mesma desenvoltura nos braços de um "cota" como ela! :-))

    ResponderEliminar
  2. Rosinha,

    Não terias nos braços mas terias na voz. Não se pode ter tudo, né?

    Beijosssss

    ResponderEliminar
  3. Com a minha pouca idade, apenas poderei dizer, que deve ser maravilhoso ouvir:-Então ó cota?!!!
    ahahahaha
    Por aqui, só me chamam Old Man!!!
    Mas dá para perceber que é com muito carinho! Pudera!...
    O puto do "cota", nunca diz que não!!!
    Obrigado pelo vídeo. Simplesmente fabuloso.

    Beijos

    ResponderEliminar
  4. Há "cotas" absolutamente fabulosos/as, que nos dão perfeitas lições de força de viver...
    Eu particularmente conheço uma duma frescura, duma mente lúcida e dum espírito aventureiro que me deixa fascinada e agradecida por o meu caminho se ter cruzado com o dela.
    Falo da Maria de Castro que entre outras coisas, no ano transato resolveu que haveria de experimentar uma nova aventura radical e meteu mãos à obra: nada mais nada menos que com os seus 87 anos saltar de para quedas!
    Assim o pensou e assim o fez. E eu assisti, com o meu coração perto na boca...
    Pena não saber aqui colocar uma foto da Maria em pleno voo.
    Beijinhos e que estes exemplos nos dêem estimulo...
    Terezinha

    ResponderEliminar
  5. Desde que a cota tenha as quotas em dia ...

    ;)

    ResponderEliminar
  6. Amiga Tite:
    ~Por acaso já conhecia e já tinha até publicado no meu blogue, porque acho fantástica e admirável esta energia. Invejável mesmo!
    Mas acho que a minha amiga não lhe fica atrás, na jovialidade e energia pois não?

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Terezinha,

    deixa-me activar o novo PC e lá publicaremos a foto e o video da querida Vóvó Leoa Maria de Castro.

    bjs rápidos antes que esta geringonça caia de sopetão

    ResponderEliminar
  8. Que bom amiga que ainda se sente com disposição para imitar a senhora do vídeo. Quem dera eu me sentisse assim também. Mas os últimos dois anos pesam como se fossem cem. Depois da morte do pai, a morte lenta da mãe, em sofrimento continuo, culminaram com a descoberta de doença grave do homem que tem sido tudo para mim nos últimos 42 anos. O maridão. Não fora a netinha e acho que já tinha pirado.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  9. UAU!!! Incrível! Surpreendente!
    Como ela consegue?
    Aplausos. Muitos aplausos!

    ResponderEliminar
  10. Numa fuga ao PC do maridão tenho que vir solidarizar-me com a a querida Elvira.

    Amiga,
    Como é possível?
    Há alturas em que tudo nos acontece. Tenho a certeza que não só pela companhia da netinha mas também pela tua força anímica irás apoiar o maridão para o ajudar a ultrapassar esta fase, sim porque eu acredito que é duma fase que se passa.

    FORÇA!!!!
    Beijos solidários

    ResponderEliminar
  11. Gostei muito de ver este vídeo, mas confesso que comecei a ficar cansada, como se estivesse no lugar dela. Quem me dera poder ser assim! Adoro dançar e dançar faz muito bem, realmente.

    Bem, mas depois li o comentário de Elvira Carvalho e fiquei triste, muito triste mesmo. Que Deus lhe dê a força necessária para superar o que não tem remédio. Um beijinho para ela.

    E para ti, grande amiga Tite, de quem gosto tanto, um abração do tamanho do Sporting!

    ResponderEliminar
  12. Tomara eu fazer peões daqueles - é que dava-me logo uma tontura :)
    (muito bom)
    **

    ResponderEliminar
  13. Bolas! Bolas! Que a "cota" mexe-se bem!!! Se bem que eu com um borracho daqueles também era capaz de "dar uma perninha"...
    Beijinhos de "cota" para "cota"...

    ResponderEliminar
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  15. adoro dançar e para isso é necessário ter um pé leve . em tempo fui dançarina e bailarina. e ainda há unsa restos dessa actividade

    kis :=)

    ResponderEliminar
  16. Querida amiga Tité!

    Já conhecia mas adorei rever.
    Esta e aquela que está no video dos Cold Play, que agora não me ocorre o nome, dão-me ânimo para continuar a dançar duas vezes por semana :)
    Pode ser que chegue a algo aparecido!
    Maravilha!

    Adorei

    beijinhos

    ResponderEliminar



Agradeço a vossa visita e os vossos comentários.

Volte sempre!!!!!!