sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Quem é vivo...







...sempre aparece!
Tinha tirado estas fotos para colocar aqui e deixei-as em arquivo para as publicar logo que não tivesse assunto. Acontece que, com a estadia das netas em férias, as fotos acumularam-se e... tanto se arruma, tanto se arruma que... num ápice, perdi o rasto a estas e a todas as fotos do jardim que tinha guardado para outros trabalhos. Claro que não me conformava pois a dose de fotos era superior a uma centena e, não era o caso destas que poderia repetir, mas as do jardim e as respectivas plantas e flores, é como tirar fotos a crianças, ou se tira naquela oportunidade ou elas crescem e modificam-se do dia para a noite.
Tanta conversa para dizer que este foi o meu 1º trabalho em découpage e que nem sei se vou fazer mais algum devido ao problema que tenho nas mãos. Não sou a única, infelizmente, a quem adormece as mãos sempre que se ocupa de trabalhos manuais que requerem minúcia e uso demorado da firmeza das pobres. É o síndrome do canal cárpico que se resolve ou minimiza com uma intervenção cirúrgica e que eu já tive marcada e cancelada quando mudei para a minha casa actual. Quem é que se mete a uma cirurgia quando está prestes a realizar um sonho?
Tantos trabalhos que eu adorava fazer na reforma e que ficam reduzidos a pouca coisa como seja: cuidar do jardim, leitura, doçaria, crochet com agulhas grossas e navegação na internet desde que não exija utilização contínua do rato. Já é bom não? Há quem nem isso possa fazer.

20 comentários:

  1. Parabéns. Está linda.
    Acredita que ando ao tempo para fazer uma e é como se costuma dizer, "CASA DE FERREIRO, ESPETO DE PAU".
    E já fiz uma para a minha mãe e outra para a cunhada. Para ofertas.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  2. Elvira,

    Eu até me comprometi a fazer uma para a nora. Tenho que me encher de coragem para a fazer, mas talvez a faça agora nos dias frios. Vamos lá ver...

    Um bom FdS

    ResponderEliminar
  3. Olá Tite,

    Mas que prendada :))) estou pasmada.

    Felizmente não tenho (por enquanto) esse problema com o canal cárpico, mas a minha irmã foi operada e ficou muito bem.

    Conformei hoje que vamos ser adversárias na Aldeia da Minha Vida...o meu é o Debulho de Sável e fiquei a saber que a Dina terá dois temas, vai ser giro.
    Juro que às tantas ainda voto em si, ahahahahah! Amigas como sempre, isto só prova que temos muito mesmo em comum.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Querida Ná,

    Eu sei que vai ser difícil essa de me confundires com a Dina, mas eu compreendo, foi ela que me encaminhou para ti por nos achar parecidas de gostos.

    Relativamente a ser adversária nos Contos é só porque te disse que iria votar na Dina da próxima vez que ela escrevesse.
    A 1ª vez votei Elvira
    A 2ª vez votei em ti
    Agora tem que ser na Dina

    Amizade e "noblesse oblige", né?

    Beijosss e Bom FdS

    ResponderEliminar
  5. Que bonita!!!
    Eu tenho várias caixas para pintar mas nenhuma de costura, são coisas mais pequenas e também um tabuleiro já a pensar no Natal, este ano as prendas vão ser assim...personalizadas.
    Crise obriga!!
    Quanto à votação...quero que te sintas à vontade para votares no texto que achares melhor porque sinceramente não estou à espera de ganhar porque acho que os meus textos (são dois porque só um ficava enorme!!) foram feitos mais com o coração e com o intuito de divulgar a boa gastronomia do Alentejo!!

    ResponderEliminar
  6. Olá Titézinha (hem?)

    A tua caixa está LINDÉRRIMA ( já pareço a Ovinho estremelicado!)

    Acho que todas nós temos algo escondido , pronto a ser revelado!

    Eu também tenho umas coisitas...Pintadas! talvez amanhã as mostre,(se encontrar as fotografias eheheh ) não és só tu que lhes perdes o tino! eu com as minhas passeatas entre Porto e Queimada, perco algumas no caminho... Nunca sei em que computador estão!

    Isso do canal é que é uma chatice!
    a minha madrinha também foi operada e ficou bastante melhor :)

    Um beijinho cheio de pózinho

    ResponderEliminar
  7. O Importante é apreciar a vida da melhor maneira que o pudermos fazer.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  8. Olá, Tité! :)

    Tenho sensivelmente 40 minutos para "bloguear a pevide", depois viro Cinderela, percebe? :D Não abóbora! Eu tenho que ser sempre melhor, claro!

    Fico-me por aqui mais um bocadito para lhe falar de duas coisas.

    A caixinha: linda, linda, linda! De morrer!
    Também as faço, para guardar os colares e argolas e brincos e afins! :) E ficam bem simpáticas! Aproveito as caixas transparentes dos Ferrero Rocher e aplico a técnica! Também ofereço algumas!Adoro!
    Temos que trocar impressões sobre isto porque há sempre um truque ou outro para aperfeiçoar a técnica! Há que marcar um chá virtual entre todas no MSN, uma reunião fofa de mãos de fada! :D

    Outro assunto: foi-me diagnosticado o problema de que a Tité fala. Recentemente. Há tempos e tempos que fico com o braço e mão direita dormentes, quando acordo, a mão está gelada, sem força e sem sensibilidade. A par desse problema, algo se passa aqui pelas cervicais. E sim, diz q ue uma cirurgia numa boa equipa ortopédica resolve. Eu já estou a tratar da minha... Não passa do Natal e com cunha. Mas "diz" que é rápido, e que três ou quatro pontitos depois, ficamos óptimas!
    Aqui as cervicais é que será menos simples... Mas se resolver a dormência, gelo e insensibilidade no braço e mão já é muito bom. Há mais de um ano que sinto isto. não ligava. Até que recentemente me alertaram para que havia que saber o que se passava... E sim, os trabalhinhos de fadinha do lar e as informáticas e mexeriquices no rato do pc pioram.

    As suas melhoras e vamos trocando impressões.

    E agora vou ali a voar à Dina
    e afins para aproveitar os minutos de vida virtual que me restam! :D

    Beijo e diad felizes! :)

    Mais uma vez, achei a caixinha do melhor que há!! :))

    ResponderEliminar
  9. Olá,

    Está tão bonita!!
    É um despedício não aproveitar o talento, além de que o artesanato é uma verdadeira terapia da alma!! (Eu que o diga!)
    E essa cirurgia, não pode ser remarcada, agora que o sonho da casinha está concretizado?
    Adorava ver mais coisinhas...
    Jocas grandes e bom fds,

    ResponderEliminar
  10. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  11. Eu acessei o link para entender melhor o que é essa síndrome do canal cárpico e este está errado. Não acessa.
    Tite, pense seriamente em operar! Acredito que algumas doenças devam ser sanadas antes que a idade avance e nos tome de maneira sem solução.
    Seu trabalho ficou lindo e é uma pena que não possa dar continuidade, apesar de ainda poder realizar outros trabalhos.
    Bom fim de semana! Beijus

    ResponderEliminar
  12. Olá Ovinho!

    Então também te dedicas a trabalhos manuais?

    Era de esperar... Professorinha e com tantas crianças para entreter há que aprender várias actividades susceptíveis de lhes prender a atenção e o gosto. Devem ser tão variados como os nossos. Vão desde a música, desenho, colagens, pinturas, jogos, etc, etc, etc.

    Claro que estarei disponível para o nosso cházinho e para trocarmos ideias quando estiveres mais disponível.

    Quanto à cirurgia... enquanto puder vou adiando mas, se tiver que ser lá irei.

    Jokas

    ResponderEliminar
  13. Dina,

    Imagino que tenhas muitos trabalhos começados, é a nossa mania de fazer muitas coisas diferentes ao mesmo tempo ehehehe!

    Não posso deixar de estar de acordo que, em época de crise, nada melhor que fazermos nós os presentes para os nossos amigos. Têm muito mais valor.

    jinhos

    ResponderEliminar
  14. Pózinho,

    Então já vou espreitar o teu lugar encantado para ver se já lá estão expostos os teus trabalhos.

    Quanto à operação lá terá que ser se os períodos de dormência forem maiores do que os normais.

    Este é um assunto que começou desde o nascimento do meu filho mais velho e tem agravado ao longo dos anos, mas... agora, o que não posso fazer mesmo é costurar e bordar. As agulhas fogem-me das mãos em segundos. O resto vou fazendo apesar de levar mais tempo do que o normal.

    Até já!

    ResponderEliminar
  15. Sofia,

    Tens toda a razão!
    Agora que estou reformada, se não fossem estas actividades que não fazia quando trabalhava, a vida seria uma monotonia.
    Mas imaginas como fico feliz quando ando no jardim dedicada a plantas, podas, limpeza, regas, etc. e tal?
    É uma autêntica libertação.

    Bjs

    ResponderEliminar
  16. Querida Luma,

    De facto o link deu erro nem sei porquê. Já linkei outro que tem mais informação sobre o síndrome do túnel cárpico como dizem aí no Brasil.

    Aproveito para agradecer o elogio ao trabalho e, depois de tanto incentivo, vou ver se faço, pelo menos o que prometi à nora que tanto gostou da minha caixinha de costura.

    Abraços amistosos

    ResponderEliminar
  17. Opinião própria,

    Também acho e é assim que levo a vida.

    beijos

    ResponderEliminar
  18. Linda a tua caixinha.
    Até dá inveja, porque não tenho o menor jeito para trabalhos manuais.
    Parabéns e beijinhos

    ResponderEliminar
  19. Já alguém o disse para trás mas eu repito:
    - Que prendada!
    Eu mal sei pregar um botão... :-)

    Abraço

    ResponderEliminar
  20. Ó Rosa,

    Eu sou da fornada dos anos 40. Querias o quê? Que não soubesse bordar, falar francês e... tocar piano (ah este falhei, mal arranho o dó ré mi para tocar "sonne les matines")?
    Pois... tive que aprender mais coisas porque não era dondoca e não fiquei só para dona de casa.
    Outros tempos minha amiga!!!!

    ResponderEliminar



Agradeço a vossa visita e os vossos comentários.

Volte sempre!!!!!!